terça-feira, 10 de novembro de 2009

_________preguiça



Penso nos dias modorrentos de um janeiro qualquer.

A preguiça toma conta de tudo e até minha poesia deita à sombra de uma frondosa mangueira.

Em suspenso, as flores de minha vida ficam presas no varal, a secar e a partir de tão secas para enfeitarem, depois, algumas páginas que deixei em branco.

Já não me importo se faz muito calor, se estou desmaiada em minha impossibilidade.

Sou um vasto bocejo como as tardes de janeiro.

E me abano de esperança por um vento sul...

A.

___________________________________________imagem: anita walters

Um comentário:

Jaqueline disse...

Aglaé querida!!!! Não sabe como fiquei feliz de te achar aqui...
Googles da vida, blogueira lendo blogs....
Saudades de vc!!!!
Adorei seus posts e com certeza vou voltar!!!!
Beijao Jaque Silva