quinta-feira, 18 de setembro de 2008

____pois é

Vivendo o dia de cada dia.
Ainda faz frio, sim. Mas é verdade também que
ainda é inverno no hemisfério sul.
E daí?
Tudo está tão doido mesmo...quem vai entender?
.

Estou aqui, bebendo uma caneca de café com leite e pensando
no quanto gosto disso, desse cheiro do café e esse sabor
tão conhecido meu.
Lá fora, venta.
Em Curitiba ventava muito pouco.
Essa ventania diária é coisa de, sei lá, uns
cinco anos atrás em diante.
Será mais?
Sério...não ventava desse jeito, esse vento gelado
quase sempre, o dia todo, todos os dias.
Frio que não é frio por inteiro não existia em Curitiba, não.
Era frio mesmo. Muito frio, desde o outono.
Geada. Garoa gelada. Chuva gelada.
Noites de muitas estrelas e manhãs de lábios partidos
quase sempre.
Agora, não esfria daquele jeito. Pelo contrário, o sol esquenta e vem o vento frio
e deixa a gente mais confuso ainda e mais resfriado também.
Está certo que o clima aqui sempre sofreu mudanças repentinas -assim, umas três vezes por dia.
Mas....ah! Desse jeito...não...
É...estou ficando velha.
Falando do tempo e reclamando do frio por causa das juntas.
É isso?
Sei lá....o fato é que o café aqui, na caneca, é o mesmo...porém
o clima....esse...está muito...muito diferente....
-nem é novidade,mas acredito que se a gente prestar mais atenção
será, de alguma forma, mais útil.

É isso. Dia de frio e bobagens.Ou nem tanto.

A.
________________________________________

Nenhum comentário: