segunda-feira, 24 de maio de 2010

________aqueles dias...


____________________

Sem assunto, em silêncio, fecho os olhos e, por um momento, estou novamente em um amanhecer daqueles que vivi há pouco mais de um mês.
A sensação é forte e quase posso sentir o calor e o brilho da luz daqueles dias que nasciam
provocando minha tristeza como se quisessem me fazer lembrar da força da vida.
Não. Não era um deboche.
Era, simplesmente, uma verdade explodindo, todos os dias
A vida nascia.
De todas as maneiras, ela nasce.
E renasce, transformando-se.
Foram vinte e cinco dias que vi amanhecer ali, da janela de um quarto de hospital.
Cantava baixinho para minha mãe e dizia para ela que mais um dia nascera.
Falava do céu todo azul. Azul profundo.
 A atmosfera estava tão limpa que parecia abrir caminho aos anjos.
Dias perfeitos para minha alma, tão imperfeita.
Abro os olhos e já voltei.
Há um vazio recente e minha vida
e o dias...
jamais terão aquele sabor
de mãe novamente.
É....eles eram como os sorrisos dela...dadivosos
e o azul...eram com o amor dela...profundo...
_____________

Veio o assunto.
Não é tristeza, não. 
É lembrança trazendo saudade
até mesmo da despedida.

É isso.
____________________________imagem: agla
a música: sunrise, norah jones >> basta clicar abaixo



5 comentários:

Paulo Braccini disse...

lindo texto; magnífica ilustração, belíssima canção ...

rs ... não deu para citar todos ... vou revezando os linkados ... sua vez vai chegar ... mesmo assim adorei sua marca ...

bjux querida amiga

;-)

Aglaé disse...

ah Braccini...bem sei como é isso!
nem imaginei mesmo que conseguiria, mas não podia deixar de fazer manha, né?

um beijo, amigo**
[obrigada pelo carinho de sempre]

campo das letras disse...

bom dia, A...
.
e de fosse tristeza?
acho-a tao bela, desde q permitida em pequenos goles, em pequenos momentos.
.
lindo por aqui.
.
e recebi sim, teu email...grata!
.
beijo com carinho!

campo das letras disse...

se* rs

Angela disse...

um abraço com carinho...


abraço que abraça em cumplicidade!


beijos!